O Cerrado Sobrevive À Provas de Fogo

O Cerrado Sobrevive À Provas de Fogo

Todos os anos O Cerrado Sobrevive À Provas de Fogo. Refiro-me a três provas que o cerrado enfrenta para sobreviver sorrindo.

As queimadas que a cada ano são causadas por diversos fatores fazem com que O Cerrado Sobrevive À Provas de Fogo, como veremos a seguir.

O primeiro fator: Queimadas causadas por chacareiros e agricultores que utilizam o fogo para limpar seus campos antes do plantio. Assim, acham eles, fica mais barato preparar o solo.

Segundo fator: Fogo provocado por pontas de cigarro lançadas pelos transeuntes nas rodovias. Nota-se sempre, que o fogo avança do limite da rodovia para dentro da mata.

Terceiro fator: A hipótese de que alguns fogos se iniciem por causas naturais, como combustão espontânea, descargas elétricas, atritos de pelos de animais com a mata seca.

Pesquisas apontam que as causam naturais do fogo no cerrado são responsáveis pelas árvores retorcidas (veja link abaixo).

Segundo essas pesquisas, o fogo contribui para germinação das sementes. Difícil mesmo é acreditar em tais teorias, embora seja notável que a vegetação do cerrado reage às queimadas de forma extraordinária, e irrompem do chão com espetáculo de vida.

Não me parece convincente que o fogo faça o cerrado melhor. Com toda certeza o sol e a seca fariam muito bem o papel de germinação das sementes no inverno. Mas esta é a opinião de um leigo no assunto. Entretanto, consideremos que se o fogo ajudasse o cerrado a melhorar, não precisaríamos combater a tatos incêndios, mas apenas controlá-los.

O Cerrado Sobrevive À Provas de Fogo, Mas Pode Ser Extinto em 30 Anos

O fogo sendo ameaça ou não, não é único desafio que o cerrado enfrenta. E não é só a mata que sofre, mas os bichos também. Outros  problemas são o desmatamento para lavouras e criação de animais, e os lixões que avançam nas periferias das cidades.

Matéria do G1 aponta que “em 30 anos o cerrado brasileiro pode ter maior extinção de plantas da história”, conforme estudos realizados por cientistas. A causa principal é o desmatamento. Se os cientistas levassem em consideração os outros fatores esse prazo seria diminuído.

Não preciso de estudos para constatar isso. Aos 59 anos de idade, eu tenho presenciado como a degradação da natureza tem destruído fontes de vida, tanto no meu Rio de Janeiro, como aqui em Ceilândia – DF. Já vi a Cidade Estrutural nascer sem nenhuma estrutura, em uma área que, na época, diziam ser reserva ambiental (eu era novato no DF).

Hoje, assisto aqui em Ceilândia, que o descontrole com as questões ambientais continuam. Próximo de onde moro há uma área incrível que está sendo transformada num novo lixão.

A área é incrível porque tem um cenário lindo, árvores típicas do cerrado, com frutos e flores extraordinárias. As fotos exibidas a seguir são todas deste local.

Além do cenário, das árvores, das flores e bichos, a área serve muito bem a ciclistas de montain bike, com trilhas desafiadoras.

 

 

Referências:

http://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/o-fogo-no-cerrado.htm

https://g1.globo.com/natureza/noticia/em-30-anos-cerrado-brasileiro-pode-ter-maior-extincao-de-plantas-da-historia-diz-estudo.ghtml

 

@prodivanvelasco

Odivan Velasco dos Santos, casado, Bacharel em Teologia, Eletrotécnico.